Maxim abre o ano com diversos cursos

A partir de janeiro de 2017, a Maxim dará início a uma série de cursos, em quatro cidades: São Paulo, Rio de Janeiro, Fortaleza e Dourados. Rio de Janeiro e Dourados recebem as duas pós-graduações da Maxim: Proteção Radiológica e Radioterapia. São Paulo e Fortaleza recebem apenas a pós em Proteção Radiológica. No Rio de Janeiro vai acontecer ainda o Curso de Férias de Formação em Radiologia Industrial, com duração de cinco semanas.

girl-reading-a-book-at-home-picjumbo-com

Os interessados podem acessar a área Todos os Cursos para saber mais informações, como data de início, público alvo dos cursos e formas de pagamento e fazer a matrícula. Para acessar, clique aqui.

Mais do que nunca é hora de se qualificar!

Radiologia oferece um amplo mercado de atuação e, assim como qualquer outra área, exige especialização

 

books-927394_1920

O setor de radiologia desperta cada vez mais o interesse na busca pela formação como operadores de equipamentos de diagnósticos por imagens ou para o controle da proteção radiológica. Dentre os fatores que estimulam profissionais a escolher a área estão: carga horária reduzida, piso salarial definido em lei e férias semestrais.

Ingressar neste campo é uma oportunidade interessante para quem está pensando em mudar de carreira e possui o ensino médio completo ou até para os que estão em busca do primeiro emprego. A formação em radiologia (técnico e tecnólogo) permite ao participante a qualificação necessária para ingressar no mercado de trabalho. E para quem deseja se especializar na área e, com isso, aumentar seus rendimentos, um curso de pós-graduação é um diferencial.

O campo de atuação da radiologia é vasto, pois sua atuação não se limita a hospitais, clínicas ou laboratórios. A regulamentação permite que o profissional atue em especialidades como radioterapia, medicina nuclear, radiodiagnóstico e até mesmo na radiologia industrial. Para atuar nessas modalidades somente a formação base não é suficiente, é preciso investir em uma qualificação mais especializada.

Atualmente no país, o número de profissionais qualificados é insuficiente para preencher milhares de vagas disponíveis nessas áreas. Especificamente no campo da radioterapia, discute-se hoje uma necessidade de ampliação do número de aparelhos disponíveis no sistema público de saúde. Em algumas regiões, por exemplo, é preciso triplicar o a quantidade de aparelhos para atender à população com câncer. A urgência em adquirir aparelhos novos, por consequência, acelera a necessidade de contratação de mão de obra devidamente habilitada para operar esses equipamentos.

Outra área que está em expansão e demanda profissionais especializados é a de proteção radiológica. Estabelecendo medidas para proteger os indivíduos e o meio ambiente contra possíveis danos causados pela radiação ionizante, esses profissionais estão menos limitados a habilitar-se junto aos órgãos reguladores. Enxergando o crescimento do mercado, a Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), por exemplo, não exige mais a comprovação de experiências práticas no ato da inscrição para realizar a prova de supervisor de radioproteção.

O mercado de radiologia continua atraente e, assim como qualquer outra área, exige uma formação cada vez mais especializada. Atenta a essas questões, a Maxim promove cursos de especialização, como Proteção Radiológica e Radioterapia. Clique aqui e não perca tempo para se qualificar!

Cursos de férias são destinados para profissionais que desejam rápida ascensão

Especialista em RH destaca que é importante avaliar bem a escolha do curso

woman-hand-desk-office

Cursos são sempre importantes para as pessoas que desejam crescer profissionalmente e diferenciar-se no mercado de trabalho. O momento atual, com o grande fluxo de informações, pede uma adaptação rápida e aumenta a necessidade de atualização, uma vez que o mercado de trabalho exige cada vez mais do profissional conhecimentos sistêmicos e específicos para uma boa atuação.

Entretanto, é comum encontrarmos pessoas que não conseguem fazer cursos por conta da falta de tempo e da rotina cada vez mais corrida. Para essas pessoas, os cursos de férias se mostram como uma alternativa. A especialista em Gestão de Pessoas e Recursos Humanos, a psicóloga Camila Teixeira, destaca que é importante avaliar bem a opção por um curso no período de férias, para fazer valer o investimento.

“Refletir sobre alguns aspectos asseguram uma boa escolha. É de bom senso partilhar o projeto do curso com o parceiro ou parceira. O apoio da família é fundamental para a motivação e aproveitamento do curso. Também é importante que o profissional busque conhecer os diferenciais do curso e sua futura aplicabilidade na sua na sua carreira”, comenta Camila.

A especialista destaca ainda que esse tipo de curso é procurado por profissionais que buscam uma rápida ascensão na carreira: “um curso de férias é indicado para profissionais que almejam mudar de atuação com rapidez, sem perder a estabilidade do emprego atual, como também para profissionais que desejam dar um upgrade já na sua área, otimizando o tempo para ampliar seus conhecimentos e rendimentos, além de se solidificar profissionalmente”.

Em janeiro, a Maxim realizará um Curso de Férias de Formação em Radiologia Industrial no Rio de Janeiro. O curso tem início no dia 16 de janeiro, será intensivo, terá cinco semanas de duração e é destinado para técnicos e tecnólogos em radiologia industrial. Após o curso, o aluno e a aluna estarão aptos para operar qualquer tipo de emissor de radiação ionizante industrial e, além do cargo de operador, poderá assumir o cargo de técnico de radioproteção ou, até mesmo, supervisor de proteção radiológica substituto, desde que comprove a conclusão do nível superior.

Matrículas pelo link http://maximcursos.com.br/new/loja/curso-de-formacao-em-radiologia-industrial-360h-aula/.

Pós-graduação pode gerar aumento de até 70% no salário

 

pos-graduacao-aumenta-salarioOs cursos de pós-graduação deixaram de ser um plus no currículo. Com o mercado mais disputado, por conta do momento de recessão que gera um alto índice de desemprego, possuir uma especialização é quase obrigatório para quem quer conseguir uma colocação profissional ou alçar cargos e salários mais altos.

De acordo com estudos recentes, o salário de profissionais pós-graduados pode chegar a ser o dobro do que a remuneração de profissionais sem essa especialização. De acordo com a empresa de recrutamento Catho Online, profissionais que fazem pós-graduação chegam a receber até 70% mais do que aqueles que não fazem. Já a Fundação Getúlio Vargas mostrou que cada ano de pós-graduação cursado resulta em 40% de aumento na renda mensal.

Um curso de pós-graduação fornece ao aluno novos aprendizados, além da pessoa tornar-se um especialista em determinado tema. Algumas empresas condicionam melhoras salariais ao nível de especialização do empregado. Além disso, diversos concursos públicos exigem cursos como esse para determinados cargos.

A Maxim está com duas pós-graduações com turmas abertas em diversas cidades, iniciando em 2017. A pós em Proteção Radiológica está com turmas abertas no Rio de Janeiro (início em 14/01/2017), em São Paulo (início em 28/01/2017), em Dourados (início 18/02/2017) e Fortaleza (início em 21/01/2017). Já a pós em Radioterapia terá turma no Rio de Janeiro (início em 14/01/2017) e em Dourados (início em 18/02/2017).

Saiba mais em http://maximcursos.com.br/new/todos-os-cursos/.

Quais são as áreas de atuação da radiologia industrial?

foto-externa-curso-de-tecnicas-analiticas-com-enfase-em-inspecao-por-raios-x

A radiologia industrial está presente em uma grande variedade de setores, o que faz com que ela ofereça uma série de áreas de atuação profissional. Listamos cinco atividades que contam com a atuação de um profissional de radiologia industrial.

#1 – Inspeção Corporal

Equipamentos de radioinspeção corporal, os chamados bodyscan, são aqueles que podem detectar objetos metálicos e não metálicos escondidos no corpo de uma pessoa através dos raios X, tais como, armas, drogas, explosivos, pedras preciosas etc. Assim sendo, são muito mais eficientes que detectores de metais e outros. Contrariando a legislação brasileira, atualmente quem opera esses sistemas em presídios são agentes penitenciários dotados de minicursos de 8 horas sobre o tema. A Lei 7394/85, regulamentada pelo Decreto 92790/86, regulamenta os profissionais Tecnólogos e Técnicos em Radiologia. A Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), órgão que regula a área, torna obrigatório um programa de capacitação dos profissionais operadores desses equipamentos.

#2 – Inspeção de Cargas e Contêineres

A inspeção de cargas e contêineres faz uso de aceleradores lineares de alta energia, onde são aplicados em estradas, divisas, fronteiras, portos e visa evitar que armas, drogas ou mercadorias falsas e irregulares entrem e circulem pelo país. Nos últimos anos, esse tipo de inspeção tem recebido grande investimento, principalmente pelo seu auxílio na área de segurança pública.

#3 – Radiografia Industrial

A radiografia industrial é uma poderosa ferramenta de controle de qualidade que faz o uso de fontes radioativas de Ir-192, Se-75, Co-60, todas utilizadas nas indústrias automotivas, indústrias navais, industrias siderúrgicas, aviação e materiais bélicos, como explosivos. Também possui ampla aplicação nas indústrias de petróleo e petroquímicas.

#4 – Medidores Nucleares

São dispositivos que usam fontes de radiação associadas a um detector, que permite por atenuação ou espalhamento da radiação, saber se o material medido está ou não presente no nível pré-estabelecido. Existem muitos tipos de medidores e muitas aplicações. O profissional poderá atuar em diversas áreas, dentre elas: setor alimentício, bebidas, cimenteiras, concreto, embalagens, fertilizantes, metalúrgico, mineração, papel e celulose, petrolífero e petroquímico e siderúrgica.

#5 – Perfilagem de poços de petróleo

No setor petrolífero, as técnicas nucleares são utilizadas na perfilagem de poços de petróleo que consiste na medida e registro contínuo de determinados parâmetros ao longo das paredes de um poço. Para isto, utiliza-se uma sonda de medição que é introduzida progressivamente na perfuração. A interpretação de gráficos resultantes ajuda a determinar a localização, quantidade e produtividade de óleo e gás do poço. Nestas sondas utilizam-se fontes radioativas de Césio-137, Cobalto-60 e Amerício-Berílio-241.

Se interessou por alguma dessas áreas? Então se matricule em um dos nossos cursos e se prepare para trabalhar! Clique aqui e conheça as nossas turmas.

Cursos de férias são a oportunidade perfeita para pessoas com pouca disponibilidade

corcovado

Com o mercado de trabalho cada vez mais concorrido, principalmente pelo momento de crise pelo qual o Brasil está passando, a maioria dos profissionais se vê obrigado a procurar por mais qualificação. Porém a falta de tempo, por conta da rotina quase sempre corrida, é a principal barreira.

Por essa razão, cursos realizados em períodos em que, geralmente, ocorrem férias (como final e começo do ano) são uma excelente oportunidade. Pensando nisso, a Maxim abriu uma turma para o Curso de Formação em Radiologia durante o período de férias, em janeiro. O curso terá cinco semanas de duração e terá início no dia 16. Apesar de menor, o curso terá o mesmo programa dos cursos extensivos e o aluno não perderá nada.

Participando do curso, o aluno e a aluna estarão aptos para operar qualquer tipo de emissor de radiação ionizante industrial e, além do cargo de operador, poderá assumir o cargo de técnico de radioproteção ou, até mesmo, supervisor de proteção radiológica substituto, desde que comprove a conclusão do nível superior. A atuação abrange diversas áreas da indústria, dentre elas: o setor petroquímico e petrolífero, metalúrgico, papel e celulose, eletromecânico, naval, nuclear, automotivo, mineração, siderúrgico, bélico, segurança em portos e fronteiras etc. O aluno precisa ser formado como técnico ou tecnólogo em Radiologia ou estar em fase de conclusão para se matricular no curso.

A matrícula para o curso já está aberta e pode ser feita através do site www.maximcursos.com.br.

Maxim abre curso de férias no Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

A Maxim Cursos está com inscrições abertas para o Curso de Férias de Formação em Radiologia Industrial, no Rio de Janeiro. As aulas acontecerão no Centro da cidade e terão início em janeiro de 2017. O curso terá duração de quatro semanas.

Participando do curso, o aluno e a aluna estarão apto para operar qualquer tipo de emissor de radiação ionizante industrial e, além do cargo de operador, poderá assumir o cargo de técnico de radioproteção ou, até mesmo, supervisor de proteção radiológica substituto, desde que comprove a conclusão do nível superior. A atuação abrange diversas áreas da indústria, dentre elas: o setor petroquímico e petrolífero, metalúrgico, papel e celulose, eletromecânico, naval, nuclear, automotivo, mineração, siderúrgico, bélico, segurança em portos e fronteiras etc. O aluno precisa ser formado como técnico ou tecnólogo em Radiologia ou estar em fase de conclusão para se matricular no curso.

Os cursos de férias são uma boa oportunidade, principalmente para aquelas pessoas que não possuem muito tempo disponível. Eles são mais rápidos e o estudante ou o profissional aproveita o tempo livre para se qualificar.

Para se inscrever nas próximas turmas na Maxim, basta acessar http://migre.me/t5LFC.

A relação da radiologia com a medicina

Em 1895, Wilhelm Conrad Roentgen descobriu uma energia eletromagnética capaz de atravessar o corpo humano e ser captada por um filme foto-sensível, que ficou conhecida como raios X. Desde então, os raios X têm sido um dos itens mais importantes no diagnóstico de patologias e a radiologia médica tornou-se uma especialidade. Passados 105 anos, ainda é um dos principais exames de triagem médica.

A radiologia tem sido usada para diagnosticar e tratar condições médicas, sendo o alicerce fundamental no ramo da saúde nos últimos tempos. A radiologia é dividida em dois distintos campos que são o diagnóstico e o terapêutico. A radiologia de Diagnóstico é usada pela medicina para diagnosticar condições que a pessoa se encontra utilizando vários tipos de diferentes imagens. Isso auxilia e permite que o médico olhe no interior do corpo humano.

Já a radiologia terapêutica auxilia no tratamento do câncer e de outras doenças, ou seja, ela trata e pode até mesmo curar várias formas de câncer. A radiologia terapêutica também é usada para tratar doenças em que o próprio sistema imune ataca o organismo.

Através da radiologia é possível analisar o corpo humano de várias formas e em diferentes situações. O estudo das radiografias auxilia no diagnóstico de várias patologias. Os exames simples como radiografias de tórax e seios da face na pneumologia, radiografias de todo o sistema esquelético para a ortopedia, entre outros, são exemplos.

Com o passar dos anos, foi possível acompanhar um importante aprimoramento da técnica radiológica e uma significativa e progressiva melhora na qualidade das imagens. Como as novas tecnologias, também foi possível reduzir o tempo na execução dos exames e a diminuição da necessidade do uso de meios de contraste em determinados procedimentos. A radiologia um importante instrumento de estudo, destacando-se a capacidade de reconstrução de imagens em terceira dimensão a qual permitem pormenores para procedimentos cirúrgicos, medição de tumores e uma infinidade de outras situações na medicina.

Campo Grande receberá Curso de Formação em Radiologia Industrial

Após sucesso do curso em Dourados, Maxim chega à capital do Mato Grosso do Sul

Em novembro, a Maxim Cursos dará início ao Curso de Formação em Radiologia Industrial em Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul. Com sete meses de duração, o curso fornece aos candidatos e candidatas conhecimentos teóricos e práticos sobre proteção radiológica, radiografia industrial, medidores nucleares, irradiação industrial, técnicas analíticas, entre outras aplicações industriais das radiações ionizantes.

curso-campo-grande

A Maxim começou a atuar no estado no início do ano, com o Curso de Formação em Dourados. A formação denovos profissionais já tem chamado a atenção do mercado de trabalho local. Na capital, é grande o mercado de trabalho em Radiologia e os profissionais buscam novas oportunidades.  “Temos muitos profissionais atuantes na área médica, mas que desejam qualificação também na área industrial, em buscas de novos horizontes e melhores salários”, destaca o representante da Maxim, Diego Mello.

avenida_afonso_pena_campo_grande_-_julho_2006

Avenida Afonso Pena, uma das principais vias da cidade

O curso será realizado no Hotel Vale Verde, com aulas no último final de semana de cada mês, exceto no último mês, quando os alunos e alunas terão aula em dois finais de semana. As inscrições podem ser feitas pelo link http://migre.me/v5XXO ou pelos telefones (21)3439-9017, (21)3903-2654, (67)9625-3098 e (21)99150-3248.

Como aumentar a produtividade em cursos online

como-aumentar-sua-produtividade-em-cursos-online

Muitas pessoas tem o desejo de fazer uma especialização, participar de cursos e estar em constante atualização profissional, mas muitos esbarram na falta de tempo ou na distância e não conseguem por seus planos em práticas. Diante disso, os cursos online tem se mostrado como uma excelente alternativa, por oferecerem aos alunos e alunas mais comodidade, flexibilidade e economia.

Essa modalidade de curso exige mais atenção e disciplina dos alunos. Você sabe como potencializar seu aprendizado, aumentar a produtividade e garantir o melhor aproveitamento das aulas?

#1 – Foco

É muito importante ter muita concentração e se livrar de possíveis distrações. Feche suas redes sociais, saia do e-mail, feche as outras páginas do seu navegador. Assim, vai garantir que nada te chame a atenção e faça você perder o foco durante o curso. Alguns navegadores já oferecem inclusive plug-ins que bloqueiam temporariamente algumas páginas. Se você for aquela pessoa que não consegue ficar muito tempo off-line, vale conferir o e-mail, Facebook e outras redes sociais antes de começar a aula.

#2 – Horário

Qual seria os melhores dias e horários para você fazer o curso? Confira sua agenda e veja quais são os momentos mais assertivos para você assistir a uma aula. É importante que você esteja bem disposto e em um local sem muito barulho!

#3 – Organização

Não é porque o curso é online que não vai exigir muito estudo e dedicação. Depois de checar seus melhores horários, estabeleça um plano de estudo. Quando é melhor assistir a aulas? Que momento você vai se dedicar a estudo?

#4 – Limites

Lembre-se que você não é uma máquina! De vez em quando, faça pausas curtas e tente não ficar muitas horas na frente do computador.

A Maxim cursos oferece uma série de cursos online na área de radiologia. Acesse http://maximcursos.com.br/new/todos-os-cursos/ e conheça todos eles.